7 dicas para escolher data do casamento

Escolher a data do casamento é uma tarefa simples, mas deve ser feita com base nas prioridades do casal. Alguns fatores devem ser considerados como: estações do ano, estilo do casamento e disponibilidade de datas. Para saber as incidência de chuvas, é indicado consultar a cidade em que o casamento será realizado conforme dia e horário.

Veja 7 dicas para escolher a data do casamento com o que mais for importante para o casal:

1. Dia de semana x final de semana

É essencial considerar, com base no estilo de vida do casal e dos convidados, quais os dias da semana são mais viáveis em relação a horário e deslocamento.

Em dia de semana os convidados podem se atrasar com trânsito inesperado para os casamentos na cidade, principalmente nos horários comerciais. Em contrapartida, o valor para buffet de casamento nestes dias costuma ser abaixo do que é cobrado para os demais dias.

Aos finais de semana, no entanto, as datas de casamento tendem a ser mais requisitadas, por isso, caso seja a preferência dos noivos, é indicado procurar com mais antecedência a data do casamento.

2. Datas marcantes

Alguns casais recordam diversas datas românticas durante o relacionamento. A primeira vez que trocaram “eu te amo”, o primeiro beijo, o primeiro jantar e tantos outros acontecimentos na vida de um casal. A data do casamento pode ser inspirada em algum desses dias e tornar o casamento personalizado e inspirado até na escolha do grande dia.

3. Superstições

Há algumas superstições populares que nomeiam diversos dias que podem dar sorte ou azar para os noivos, mas tudo depende da crença do casal. O importante é que os noivos estejam a vontade com a escolha da data.

4. Feriados

Noivos que pretendem escolher a data do casamento próximo a feriados, seja prolongados ou não, devem comunicar os convidados com mais antecedência para evitar que ja tenham compromisso ou outras viagens marcadas. Para ficar mais fácil nessa decisão, coloque esse item a mais na lista de convidados do casamento, para marcar quem já foi avisado sobre a reserva na agenda. Além disso, a logística da data do um casamento próximo a feriados deve estar bem alinhada com todos os fornecedores e entregas externas. Isso evitaria, por exemplo, de contratar um serviço que não atenda nesses dias.

5. Horário de verão

Atenção máxima para escolhas de data do casamento próximo ao início ou término do horário de verão por conta da confusão de horário. Mesmo que seja comum, principalmente quando se tem compromissos, ter mais atenção ao horário nesses dias, ainda sim algumas pessoas podem se atrasar ou adiantar. Mesmo que muitos dispositivos atualizem o horário automaticamente, ainda sim é um risco. É indicado, aos noivos que escolheram a data do casamento próximo a algum desses dias, enfatizarem até mesmo no convite que será uma data com mudança para o horário de verão.

6. Lua de mel

Recém casados que optarem por lua de mel devem pensar em que período a data do casamento será mais viável, considerando que logo após o casamento já farão a viagem. A estação do ano, alta e baixa temporada e valor da moeda para viagens internacionais devem ser pensadas para que o destino escolhido esteja nas condições que o casal idealizou.

7. Meses do ano

É interessante saber, mesmo que minimamente, a tendência meteorológica do mês da data do casamento para conciliar com os preparativos do grande dia. Veja:

Janeiro

Popularmente é conhecido por ser um mês que tem uma luz que colabora melhor para as fotos. A data do casamento para janeiro em buffet de casamento ajuda ainda no orçamento dos noivinhos, pois como não costuma ser um mês de temporada, o orçamento pode ser reduzido. Altas temperaturas e chuvas a qualquer momento. Ambientes climatizados podem prevenir desconfortos.

  • Flores de janeiro: Áster, boca-de-leão, cáspia, cravina e lisianthus.

Fevereiro

É o melhor mês para noivas que querem flores e decoração tropical. Vale atenção para datas muito próximas ao carnaval. Altas temperaturas e chuvas a qualquer momento como em janeiro. Ambientes climatizados podem prevenir desconfortos.

  • Flores de fevereiro: Angélica, áster, cáspia, gladíolo e orquídea.

Março

Mês em que o verão está mais ameno, e por isso, para casamentos mais formais os convidados tendem a sentirem-se mais confortáveis com a roupa social. Elis Regina  e Tom Jobim já previram sobre as “Águas de Março”, por isso, ambientes cobertos ou com plano b são mais seguros para qualquer chuva. Baixa temporada, pancadas de chuva repentinas.

  • Flores de março: Orquídeas, Angélica, catléia, cravina, gipsófila (ou “mosquitinho”), margarida, áster, papoula e petúnia.

Abril

É um mês que tem alta procura para data de casamentos porque tem clima mais estável. Alta temporada, garanta fornecedores com antecedência.

  • Flores de Abril: Camélia, angélica, gipsófila (ou mosquitinho), margarida, gladíolo e strelitzia.

Maio

Clima parecido com abril e conhecido por ser o mês das noivas e, justamente por isso, há muita disputa para datas de casamento neste mês. Alta temporada, garanta fornecedores com antecedência.

  • Flores de maio: Azaléia, camélia, crisântemo, mosquitinho, margarida, gladíolo, áster, cravina, cravo, tulipa, orquídea, cymbidium, rosa e tango.

Junho

Datas de casamento menos concorridas. A estação é outono, e propícia para acolhimento dos convidados com comida mais quente, aquecedores e etc.Não é necessário correr com fornecedores e agenda neste mês e planejar além do normal.

  • Flores de junho: Angélica, orquídea, cymbidium, strelitzia e tulipa.

Julho

Mês para cardápios com comidas mais pesadas e vinhos, por conta do frio e baixas temperaturas. Para noivos que pretendem convidar muitas famílias os convites devem ser entregues com antecedência por conta do período de férias escolares.

  • Flores de julho: Angélica, orquídea, cymbidium, goivo e tulipa.

Agosto

Baixa temporada mais explorado por noivos que escolheram buffet com espaço mais aconchegante, por conta do frio.

  • Flores de agosto: Copo-de-leite, girassol, goivo, íris e tulipa.

Setembro

Época da primavera e com isso a qualidade das flores ficam melhores. A temperatura é agradável e estável e é ideal para qualquer tipo de casamento: ar livre, praia, campo, buffet…

  • Flores de setembro: Copo-de-leite, estátice, frésia, girassol, goivo, íris, orquídea, oncidium e tulipa.

Outubro

A temperatura agradável se mantém e continua sendo um mês versátil, para qualquer tipo de casamento.

  • Flores de outubro: Açucena, begônia, gardênia, margaridinha, miosótis, sempre-viva, copo-de-leite, girassol, lírio branco, tulipa, agapanto, áster, estátice, frésia, gladíolo, boca-de-leão e tango.

Novembro

Atenção para os feriados e para o planejamentos das férias de dezembro, pois alguns convidados podem já emendar o final desse mês e estarem ausentes no casamento.

  • Flores de novembro: Lavandas, Antúrio, áster, cáspia, copo-de-leite, gardênia, hortênsia, dália, lírio branco, margaridinha, verbena e boca-de-leão.

Dezembro

Volta das altas temperaturas e  ambientes climatizados podem prevenir desconfortos.

  • Flores de dezembro: Lírio, margaridinha, miosótis, papoula, petúnia, sempre-viva, verbena, crisântemo, dália, gérbera, mosquitinho, girassol e lisianthus.

Data do casamento definida

Depois de definir a data do casamento é hora de solicitar orçamentos e pesquisar o local do casamento que mais mexe com o coração do casal. O Napoleão Buffet tem 5 espaços para festa e cerimônia, agende uma visita! 😉

Vantagens de fazer mini wedding
casamento
Regina Fanani

Mini Wedding é mais barato?

Atualmente muitos casais estão optando por um casamento menor e mais intimista, pois além da possibilidade de aproveitar melhor a festa com os convidados, poderão

Continue Lendo »

Mapa do Site

Espaços

Eventos Corporativos

Contato

Blog

NAPOLEÃO BUFFET | Todos os direitos reservados